Últimas Notícias
recent

NFL: O Draft (pt. 2)

Olá, Nerds!

Vamos dar continuidade ao post anterior sobre Draft!

Caso vocês não tenham lido segue o link:
http://odebatenerd.blogspot.com.br/2016/03/o-draft.html


Vamos agora falar do que mais interessa, o momento em que os times entram em ação para contratar as promessas da temporada universitária anterior para a liga profissional, nesse aspecto o draft é empolgante, pois é ele o responsável por fazer com que as temporadas de futebol americano sejam cada vez mais equilibradas e imprevisíveis, tudo isso por conta da maneira com que as escolhas são distribuídas para cada um dos 32 times que estão na NFL.

Resumidamente, são 7 rodadas e em todas as rodadas cada um dos times faz uma escolha. O interessante é que cada um dos times escolhe seus jogadores no draft de acordo com a campanha feita na última temporada, sendo que a posição de escolha no draft é sempre inversa à posição final na temporada regular. Sendo assim o primeiro time a escolher em todas as 7 rodadas será o que teve a pior campanha no geral, ou seja, o 32º, e assim seguem as posições, o penúltimo na liga é o segundo a escolher até que se chegue no time campeão, que será o último na escolha. O Denver, atual campeão, será o último time a escolher jogadores no draft de acordo com a regra. 


Isso é importante para que os times consigam fazer com que todos fiquem mais ou menos no mesmo nível, pois os primeiros jogadores de cada rodada do draft são teoricamente os melhores, e irão atuar teoricamente nos piores times da liga. Um jogador nunca pode se recusar a ir para um time depois que é escolhido no draft. Um time tem até 10 minutos para fazer a sua escolha, por esse motivo um draft é um evento que chega a durar 5 horas em alguns casos.

Os times podem negociar suas posições no draft entre si, um time que tenha uma escolha alta durante as rodadas pode ceder um jogador com bons atributos como troca de uma boa escolha dada a um time com campanha ruim. 


Os jogadores são avaliados pelos times por seu rendimento dentro de campo e suas habilidades facultativas também, um bom QB por exemplo precisa ser muito bom de raciocínio lógico, pois assim terá uma facilidade maior para se livrar de situações difíceis, um WR precisa, além de velocidade, ser bom em física, isso mesmo, física, pois a maioria das bolas que irá receber fazem um trajeto em formato de parábola, e para que ele não passe da bola quando lançada ou não chegue atrasado, precisa saber muito bem qual será o tempo gasto pela bola durante seu percurso no ar para saber a qual velocidade precisa correr para estar no ponto certo na hora certa.

São muitas as variáveis que fazem com que um time leve um jogador no draft, e tudo é analisado com muita cautela pela comissão técnica, não é tão simples assim para um jogador chegar até a liga profissional exatamente por isso, o nível de excelência exigido é cada vez maior, graças a isso nós podemos ver verdadeiros espetáculos em campo durante os jogos. Aqui no Brasil a ESPN costuma transmitir o draft, se puderem assistam, ficará tudo mais claro. E que venha a temporada 2016/2017!


 Agradecimentos a Otávio Pimentel pelo ótimo material disponibilizado.



Iran Tomas Neto

Iran Tomas Neto

Jamais caia, roube, engane ou beba. Se for cair, que seja nos braços de seu amor, se for roubar, roube boas amizades, se for enganar, engane a morte e se for beber, beba nos momentos de tirar o seu fôlego.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.