Últimas Notícias
recent

Debate Nerd Ciência #33 - Drogas Neuroestimulantes da Ficção (NZT-48 e CPH4)

Olá, Olá Nerds, já pensou em tomar uma droga que pudesse liberar 100% da sua capacidade cerebral e te deixar extremamente inteligente? Pois é, Hollywood pensou. E o que tem de científico nisso? Será que exista uma droga com tal potencial? Se estiver curioso, ative seu cérebro e leia o texto até o fim.




Será que existem drogas que melhorem nosso desempenho? Antes de explicar, é improntante informar que a ideia de que o ser humano usa apenas 10% do cérebro e um mito que começou a surgir na década de 1880 com o psicologo e médico Dr William James que após um teste com uma criança prodígio disse, em audiências públicas, que as pessoas só usa uma fração de todo eu potencial mental, o que é plausível, não pela incapacidade de atingir níveis altos, mas por fatores sociais como preguiça, comodismo etc. Em 1936, escrevendo o prefácio de "Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas", Dale Carnegie acrescentou o falso percentual. Entretanto Barry Gordon, neurologista, refutou essa ideia e afirmou que usamos cada parte do nosso cérebro, pois cada uma é responsável por uma função.


Hollywood, como sempre, pegou esse mito e transformou em cinema com os filmes "Sem Limites (Limitless) e Lucy. Nesses filmes, os protagonistas utilizam drogas para aumentar sua capacidade cerebral, com a alegação de que poderiam utilizar 100% de seus cérebros. Em Limitless o protagonista toma a droga NZT-48 voluntariamente, enquanto em Lucy, a personagem de Scarlett Johansson tem a droga CPH4 implantada em seu abdômen e o involucro se rompe ao receber um chute violento em sua barriga.

Esses dois filmes dão a entender que o uso de neuroestimulantes é legal, vai te trazer muitos benefícios e você vai ser uma pessoa descolada, inteligente, acima da média e etc, mas não é bem assim.



Algumas drogas realmente tem o "poder" de excitar o sistema nervoso central fazendo com que o cérebro trabalhe mais rápido, deixando a pessoa mais alerta, mais atenta, sem sono. Isso faz com que suas capacidades cognitivas estejam em pleno funcionamento. Você pode dizer "Nossa, mas que ótimo, quero experimentar"! Ja afirmo, de antemão, que talvez você já tenha experimentado, a cafeína, presente no delicioso cafezinho, tem essa capacidade, obviamente que em baixa proporção.

Há outras drogas que também dão um "UP" no cérebro , tanto legais quanto ilegais:

 A Cocaína e a metanfetamina  são exemplos de neuroestimulantes ilegais, entretanto, essas drogas são altamente viciantes, de tratamento dificílimo e a quantidade de efeitos colaterais deveriam ser motivos suficientes para você nem querer chegar perto delas.


NZT-48

O Metilfenidato (Ritalina) é um exemplo de neuroestimulante legal, que pode ser adquirido em farmácia, entretanto esse medicamento da família das anfetaminas e é usado para tratamento de TDAH (transtorno do déficit de atenção e hiperatividade), são de tarja preta e só podem ser adquiridos sob prescrição médica

Na ficção, tanto o NZT-48 quanto o NPH4 "destravam" o cérebro fazendo com que os "outros 90%" (que já vimos que é mito)  mas como funcionariam essas drogas se existissem de fato?

Ambas as drogas são usadas via oral, ou seja, seu efeito não seria imediato demoraria pelo menos 30 minutos para começar a fazer efeito (não imediatamente como mostra nos filmes). Depois de ingeridas e absorvidas pelo organismo, a droga deverá ter um comportamento semelhante, só que mais intenso ao do Metilfenidato e drogas à base de anfetamina. Ou seja, deverá ser um poderosíssimo inibidor da receptação da dopamina e estimular sua produção além de impedir que  as catecolaminas sejam removidas do espaço sináptico, fazendo com que a dopamina e a noradrenalina permaneçam ativas por um período de tempo maior nas SINAPSES, que são os locais de contato entre uma terminação nervosa e outras células, responsáveis pela transmissão da informação.

CPH4

Só que isso tem que ser feito em um nível absurdo que, provavelmente, danificaria seu cérebro. Mas vamos supor que o cérebro aguente a carga e comece a funcionar em pleno desempenho. No filme e na série "Sem Limites" os protagonistas são capazes de lembrar detalhes de coisas que aconteceram a muito tempo, além de aprender em velocidade espantosa. Para lembrar de tudo com tanta riqueza de detalhes, precisaria que essa droga, também minimizasse a ação do sistema límbico, responsável pelas emoções, porque as lembranças são extremamente afetadas pela emoção de agora. Por exemplo, uma mulher casada, feliz no casamento vai lembrar da ocasião do matrimonio como um dia perfeito, um dos melhores dias da vida dela, mesmo que o estresse tenha tomado conta dela no dia. Uma mulher casada, mas que esteja infeliz, vai lembrar de coisas boas, mas vai inserir em suas lembranças os elementos ruins. Então o sentimento atual interfere diretamente no modo como você lembra as coisas. Para que o usuário da droga pudesse aprender tão rápido, precisaria que o "fármaco" causasse o aumento da produção de mielina, um lipídio responsável por facilitar a conexão dos neurônios.

Todos esses benefícios também trariam problemas: o NZT possui fortes efeitos colaterais após o uso contínuo como perda de memória, dificuldade na fala, psicose e paranoia, o que não se observa na NPH4 (embora isso não tenha sido mencionado no filme). Esses efeitos fazem sentido, pois você está deixando seu cérebro alerta por um tempo elevado, o que faz cair apetite, aumenta o batimento cardíaco, diminui o sono, deixa o usuário irritadiço. Em long prazo poderia acontecer danos irreversíveis no vaso sanguineo, desnutrição, desorientação além dos já mencionados



Essas drogas viciariam no primeiro uso, pois a sensação da extrema inteligência deverá ser extremamente prazerosa e ao final do efeito, o usuário deverá querer experimentar novamente a sensação o mais rápido possível, entretanto o efeito tende a ser menor na segunda vez, assim como acontece com a metanfetamina.

Pra finalizar fica um alerta do Debate Nerd: Quer ser mais inteligente? Estude, leia diversos livros, veja videos de bom conteúdo (sem esquecer o lazer). Nunca use drogas, é um caminho sem volta, você sofrerá, sua família sofrerá! Os malefícios são muito maiores que os benefícios.

Gostaram desse texto? Compartilhe com seus amigos e deixem seus comentários nas redes sociais.

Bom, vou ficando por aqui. Até a próxima!

Gostou desse artigo? Leia outros como este clicando AQUI!



Raphael

Raphael

Sou marido, pai, filho, pensador, psicologo (não por formação, mas por maioria de votos), NERD (e tenho orgulho disso), curto animes, mangás, HQs, séries, filmes, livros, vídeo-games, enfim, Nerd com "N" maiúsculo, curto heavy metal, power metal, metal progressivo. Sou cristão protestante e fé é questão de foro íntimo, respeite isso. Meus blogs são: vossavateologia.blogspot.com.br www.debatenerd.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.