Últimas Notícias
recent

Homem Aranha - De volta ao lar - Crítica sem Spoiler

Olá, Olá Nerds!

Assistimos o novo filme do Cabeça de Teia e...


Desde que o Aranha surgiu nos cinemas, em 2002, várias críticas foram feitas com relação ao protagonista. Logo no primeiro filme, com Tobey Maguire, vemos um Homem Aranha/Peter Parker diferente do que estávamos acostumados nos quadrinhos, teias "naturais", Peter Parker introspectivo, Homem Aranha que não tem senso de humor e esse martírio durou tês filmes (ok, o primeiro é bom, mas os demais...). Depois tivemos um reboot, com Andrew Garfield no papel principal, e percebemos uma grande evolução em relação ao Aracnídeo, que estava mais fiel aos quadrinhos, mais "zoeiro", com fluido de teias, mas com um Peter Parker ainda longe do que se esperava, um tanto "descolado" demais para um dos maiores Nerds dos quadrinhos.

E então a Sony anuncia uma parceria com a Marvel e anuncia que o Homem Aranha participaria de Capitão América: Guerra Civil. A produtora aposta no jovem Ton Holland, que não faz feio e nos apresenta um Homem Aranha muito fiel, muito próximo ao que desejávamos ter visto desde sempre.

Quando a Sony anunciou o novo filme solo do personagem, o hype foi gigantesco. Será que o jovem ator conseguiria manter o nível apresentado em Guerra Civil ou o novo filme seria uma enorme decepção?



Bom, afirmo, categoricamente, que o filme é excelente! Tom Holland conseguiu provocar um sentimento de empatia em quem estava assistindo. Como seria se um adolescente se tornasse herói do dia para a noite? E se além disso, fosse recrutado por uma das mentes mais brilhantes do mundo? Holland consegue fazer o espectador se colocar no lugar dele, mostra todo o desejo que ele tem de ser aprovado pelo seu ídolo (Tony Stark), quer fazer além do que pode e acaba arranjando confusão por isso, ainda liga com a escola, amigos, paixões e demais sentimentos comuns do típico adolescente e ainda com a responsabilidade de ser o Homem Aranha. Ponto pro garoto!

No meu ponto de vista, ainda não atingiu o patamar que desejamos para o Aranha, mas sem dúvidas é o melhor disparado! Ainda espero ver um homem aranha mais seguro e tirando mais sarro dos vilões. Mas para um filme de estreia, sabendo que o herói ainda é iniciante, ficou perfeito!



Vamos aos demais personagens:
Ned Leeds: Jacob Batalon foi muito bem no personagem, importante em vários momentos do filme, inclusive por conhecer a identidade secreta do herói. Sabemos que Ned Leeds é um dos Duendes Macabros, mas como será que vão transformá-lo no vilão?

Elizabeth "Liz" Allen: Laura Harrier é etnicamente diferente da Liz Allen original, mas e daí? Ela representa perfeitamente o estereótipo da menina que todo Nerd suspiraria, popular, linda, gentil e muito inteligente. A atriz conseguiu trazer todas essas características e foi muito bem. Faltou a "disputa" pelo coração dela entre o Peter e o Flash, mas fora isso, tudo bem.

Michelle: A personagem interpretada por Zendaya não faz a menor diferença para o filme, se ela não estivesse ali, ninguém notaria, mas como há planos para ela no futuro, vamos aguardar...

Flash Thompson: Interpretado por Tony Revolori, não fez jus ao personagem que normalmente comete Bulling contra Peter, mas não por causa do ator e sim por conta do roteiro. O ator foi bem para o que foi pedido.

Tony Stark: Downey Jr. volta ao papel que o consagrou. Diferentemente do que se imaginava, teve pouca participação no filme, o que é excelente. Stark está mais leve, até por conta do filme, mas continua extremamente arrogante. Foi muito bem em suas participações

Happy: Jon Favreau revive o "motorista" do Stark, ele é responsável pelo contato do Aracnídeo com o Homem de Ferro. O ator mostra brilhantemente a contradição de seu apelido (Happy = Feliz em inglês) com sua falta de humor.

Abutre: Michael Keaton (que diga-se de passagem, nunca considerei bom ator), atuou muito bem como o principal vilão do filme, não chega a dar medo (mal do filmes do MCU), mas é um dos melhores vilões até aqui (ainda perde feio para o Loki).

Shocker: Interpretado por Bokeem Woodbine, nem dá pra considera-lo como um vilão, ta mais para capanga do Abutre. Outro personagem que é completamente indiferente e não teria necessidade de tê-lo no filme.



Em resumo, o filme é ótimo, vale o ingresso e sem dúvidas, Ton Holland é o Homem Aranha definitivo. Espero que ele tenha muito sucesso com esta franquia.

E aí o que acharam? assistiram o filme? deixem seus comentários aqui embaixo e em nossos perfis nas redes sociais.





Raphael

Raphael

Sou marido, pai, filho, pensador, psicologo (não por formação, mas por maioria de votos), NERD (e tenho orgulho disso), curto animes, mangás, HQs, séries, filmes, livros, vídeo-games, enfim, Nerd com "N" maiúsculo, curto heavy metal, power metal, metal progressivo. Sou cristão protestante e fé é questão de foro íntimo, respeite isso. Meus blogs são: vossavateologia.blogspot.com.br www.debatenerd.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.