Últimas Notícias
recent

Jogos com símbolos religiosos podem ser proibidos no Brasil

Olá, Nerds!

Projeto de Lei pode proibir jogos, séries e filmes que contenham símbolos religiosos no Brasil.


Um novo projeto de lei que circula na câmera dos deputados, pode proibir jogos, filmes, séries, programas de TV e apresentações ao vivo no Brasil que “profanem símbolos sagrados”, o  projeto foi  proposto pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP).

O projeto de lei propõe mudanças no artigo 74 da lei 8069, de 1990, a proposta quer obrigar  que apresentações ao vivo como peças de teatro, shows e circos a indicarem classificação indicativa em local visível e de fácil acesso, além de proibir que  programação de TV, cinema, DVD, jogos eletrônicos e de interpretação (RPG), exibições ou apresentações ao vivo abertas ao público, tais como as circenses, teatrais e shows musicais,  que "profanem símbolos sagrados".

Essa questão é bem delicada, não pela classificação indicativa ( já que é interessante que as pessoas tenham uma base de que tipo de conteúdo está sendo disponibilizado), mas sim pela questão da proibição de certos conteúdos que "profanem símbolos sagrados", já que no projeto de lei não especifica o que  seria considerado profanação e o que seria considerado símbolo sagrado.

Pois se for analisado de forma genérica, games como Dante’s Inferno, Vampyr, Assassin’s Creed, Outlast e Castlevania podem ser proibidos.


O projeto de lei ainda não foi votado e Marco Feliciano não deu mais explicações sobre a proposta, caso queira você pode conferir a proposta completa nesse link: PL 8615/2017.




Iran Tomas Neto

Iran Tomas Neto

Jamais caia, roube, engane ou beba. Se for cair, que seja nos braços de seu amor, se for roubar, roube boas amizades, se for enganar, engane a morte e se for beber, beba nos momentos de tirar o seu fôlego.

Um comentário:

  1. Profanar é utilizar um símbolo sagrado com intuito de zombaria, ofensa, provocação, desrespeito. Símbolo sagrado é aquele associado a uma religião qualquer, que tenha significado para seus seguidores. Tipo chutar imagem, destruir locais de umbanda, utilizar um objeto simbólico de fé em um ato sexual, etc. O projeto mostra a inutilidade de um cara destes, porque quase tudo isso já está na lei ou em determinações do MJ. Ele é tão tosco que quer colocar no ECA proibição de jogo que pode ser direcionado a adultos, dependendo da classificação. Quer colocar limite religioso em lei para criança. O nome disso é "jabuti" na lei.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.