Últimas Notícias
recent

Doomsday Clock: Watchmen finalmente chega ao universo DC - Review com Spoilers




Olá, Olá Nerds! finalmente começou a saga que trará os Watchmen para dentro do Universo DC. Estreou dia 22/11 a saga Doomsday Clock, ou Relógio do Apocalipse. Será uma saga de 12 capítulos, publicados mensalmente, ou seja, a história completa terá 1 ano. Creio que os desdobramentos das HQs que forem publicadas afetarão o universo DC de modo geral.


Para entender um pouco o que está acontecendo, sugiro que leiam, além de Wathcmen, as HQs que sugerimos nesse link.

Aviso que, a partir daqui haverão spoilers de Rebirth e Watchmen, então muito cuidado!


Para quem está acompanhando a saga Rebirth, nos foi revelado nas ultimas edições da revista Action Comics que o Sr. Oz é ninguém mais, ninguém menos do que Jor-El, sim o "falecido" pai do Superman é um dos que estão por trás do que vem acontecendo no universo DC. É revelando ainda, que ele está à serviço de alguém mais poderoso. Muito provavelmente trata-se de Dr Manhattan


Aí é que entra Doomsday Clock. A história nos leva de volta ao universo de Watchmen, se passa 7 anos depois da saga original e começa com um monologo a respeito de como está caminhando a humanidade enquanto mostra flashes dos fatos que se sucederam, inclusive da descoberta de que Ozymandias estava por trás de tudo. Ao prosseguir na leitura, percebemos que o monologo é feito por Rorschach. Mas como? Ele não foi morto por Dr. Manhattan na HQ n. 12?


Sim, é Rorschach, mas não Walter Joseph Kovacs, esse foi morto por Manhattan, para manter oculto o segredo de Veidt, esse novo Rorschach é um homem negro, com identidade mantida em segredo. É revelado que ele trabalha para Ozymandias


Mesmo que ele não tivesse tirado a luva para mostrar que é outra pessoa, através de seu discurso seria muito perceptível. O Rorschach original é tão niilista que seu modo de vida fica completamente evidente em seu discurso, o que não é demonstrado por esse novo personagem. O alto grau de lucidez do personagem original faz com que ele fique isolado, com as pessoas chamando-o de louco. Em alguns aspectos o Rorschach original me lembra o Coringa e por isso, certamente ele não trabalharia para Ozymandias.


Para atingir seus propósitos, que é encontrar Dr. Manhattan, Ozymandias, através de Rorschach recruta dois presidiários perigosos, que ainda serão desenvolvidos durante a história, Erika Manson. A Marionete e Marcos Maez, O Mime.

O primeiro capítulo termina com a intrudução de Superman. Que esta tendo um pesadelo sobre a morte de seus pais e acorda assustado. Lois questiona, pois não se lembra a ultima vez em que o Homem de Aço teve um pesadelo, Clark responde que ele nunca pensou que teria um...


Seria esse o primeiro sinal da interferência de Dr. Manhattan no universo DC? vamos aguardar a continuação desse magnifico arco!

Doomsday Clock  tenta trazer de volta aquele universo mais adulto de Watchmen, mas sem perder a característica mais leve dos quadrinhos da DC. Nesse primeiro capítulo, tiveram sucesso nessa dicotomia, que a princípio parece completamente heterogênea.

Os traços de Gary Frank estão muito bonitos, a história escrita por Geoff Johns é boa embora, ao meu ver, o cliffhanger tenha pecado um pouco, poderia terminar pelo menos mostrando onde o Dr. Manhattan está, talvez observando o Superman... mas tudo bem, vamos ver o desenrolar desta trama.


Raphael

Raphael

Sou marido, pai, filho, pensador, psicologo (não por formação, mas por maioria de votos), NERD (e tenho orgulho disso), curto animes, mangás, HQs, séries, filmes, livros, vídeo-games, enfim, Nerd com "N" maiúsculo, curto heavy metal, power metal, metal progressivo. Sou cristão protestante e fé é questão de foro íntimo, respeite isso. Meus blogs são: vossavateologia.blogspot.com.br www.debatenerd.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.