Últimas Notícias
recent

Arrow Episódio 19 Temporada 6 Resumo


Por: Hélder Miranda- Como é bom acertar um elemento em cheio... basicamente, este foi o feito realizado pela produção de Arrow, enquanto a equipe técnica determinava quem seria o real vilão da temporada, uma dúvida pairava sobre nossas cabeças (na verdade, ao invés de ser uma dúvida, o fato se apresentava como uma certeza). Por mais que alguns acertos tenham sido somados, o desenvolvimento em cima do antagonista permanecia parado, Diaz conquistou a cidade do Arqueiro, da mesma forma que qualquer (bandido de alta) faria, ele suportou, esperou pacientemente, permaneceu firme, até o certo ponto que se fez presente na reviravolta do show, no entanto, o chefão revela que quer mais, e pra isso, um episódio inteiro foi colocado a sua disposição, agora lhe falta apenas seguir um caminho certo (falando em termos técnico... o personagem precisa convencer, nome ele já tem, só sobra... trabalhar atuação e se virar com o roteiro que possui nas mãos). Dito isto, vamos parar de enrolação e começar de vez as análises do episódio, sem mais delongas então, bora lá.

Como já disse acima, este episódio teve apenas um objetivo... Desenvolver "Diaz," o principal vilão desta temporada de "Arrow," (até porque né... a frase "já passou do tempo," não define completamente o assunto), sendo assim, vamos analisar todos os pontos. Sobre a atuação do ator, não é novidade nenhuma, que pelo menos se tratando da minha opinião, a performance do artista, fica bem abaixo do esperado, porém, uma das questões falhas que determina todo o porquê, é o roteiro... Frases de efeitos medianas, sem peso suficiente (pra não dizer que tudo deve ser jogado fora... certas cenas do episódio, carrega algumas falas "pesadas," nada de tão marcante ou feroz, na realidade, é exatamente esse ponto, que falta nos diálogos dos personagens, "originalidade"). Se formos pausar o enredo, fica evidente a falta de adições originais (no quesito roteiro), é tudo muito simples e fácil de se prever, sejam as decisões mais "complexas," como também as soluções arriscadas, em outras palavras... genérico a um nível extremo. O andamento do episódio, persiste toda hora em apresentar um Diaz confiante, que sempre sabe qual será sua próxima jogada, e caso algo não saía como ele imagina, a prova de que seu eu contínua um passo a frente, é mostrado logo mais a frente (poxa Hélder, pelo que você descreve, aparenta estar tudo muito bem), exatamente meus caros e caras... No entanto, entramos no velho dilema de situações técnicas. A entrega do ator se prova totalmente "ok," mas em termos de avaliação, não nasceu outro Merlin, Exterminador ou até mesmo, um novo Prometheus  (Sinceramente... não chegará a tanto, num todo, vai ser apenas um vilão que definirá o novo caminho de Oliver, só... particularmente falando, está base usada pela produção, de montar uma equipe do mal, para depois ser desmontado com um golpe de poder... poderia ter sido melhor executado, poderiam por exemplo, colocar pistas de um traidor dentro da própria organização, eles meio até que fizeram isso, só que de uma forma... É, definitivamente não deu muito certo).

A respeito do desenvolvimento, o personagem ganha um pouco mais de peso para poder prosseguir com suas ações, o que antes era um bandido escondido, agora se torna um chefão do crime. O histórico da infância do personagem, também não é lá essas coisas, parando pra pensar, chega a ser algo bem estúpido (principalmente quando se está construindo uma personalidade e origem). A conclusão da história nem causa aquele impacto certeiro, é como se a imagem que foi construída durante todo o episódio, perdesse um pouco de seu valor (no geral... ele queria uma vingança boba), nada mais do que isto (caramba Hélder, você não entendeu a situação... ele só queria definir seu passado), realmente, essa é a sensação que dá ao assistir a cena, porém, não havia mais sentido em mostra-la (claro que este ponto já é algo pessoal... se vocês curtiram o momento, nada contra).


Antes que muitos se perguntem (o Oliver não apareceu neste episódio??) Sim, sim, mas como eu disse, este conteúdo foi totalmente exclusivo para Diaz, além de sua pequena participação, ainda tivemos a aparição de Felicity e Curtis, já o resto do elenco permaneceu em off. Agora que tivemos um bom episódio  (nossa Hélder você gostou do conteúdo??) Deu pra assistir... Brincadeira, retirando o passado do vilão, a trama seguiu bem ok, então sim, num todo, foi um bom episódio.

E é isso pessoal, se gostaram do resumo e querem ver outros aqui mesmo no Debate, basta conferir nas nossas listas, até a próxima.


Hélder Miranda

Hélder Miranda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.