Últimas Notícias
recent

Nanatsu no Taizai Capítulo 272 Review

Por: Hélder Miranda- É chegado o momento da grande batalha entre o rei dos demônios, e o trio mais inesperado possível (Ban, Meliodas e Wild). Uma breve introdução para aqueles que estão perdidos na direção tomada pelo enredo é basicamente o seguinte... O capitão dos sete pecados capitais Meliodas," junto de seu parceiro e também melhor amigo (Ban), acabam se esbarrando por acaso, com o irmão mais velho de Hawk, dali em diante, os três patetas (perdão), os três personagens, unem forças para juntos enfrentarem o pai de Meliodas, no entanto, cada um deles tem em mente que o confronto não será nada fácil, agora, caso vocês estejam se perguntando a respeito de uma possível retranca do trio, a resposta seria uma boa e divertida piada (na verdade, não seria, é uma piada), o fato que me faz ter plena certeza sobre o que destaco, é simplesmente pelo final do capítulo anterior (onde eles nem esbanjavam medo algum, apenas o contrário, parecia mais, que os três estavam indo fazer um piquenique). Dito isto, vamos parar de enrolação e começar de vez as análises do capítulo, sem mais delongas então, bora lá.

Ao chegarem no local, os três personagens não perdem tempo e já partem para o ataque, logicamente, o rei dos demônios (pai de Meliodas), contra ataca sem o menor remorso, mostrando que realmente, ele não está se importando com os desejos de seu filho. Agora, não chamando o rei de burro (se bem quê... Vai parecer justamente isto), fiquei meio bugado pelo fato dele ter dado a certeza, de que a porta para o mundo real, estava bem atrás dele (como assim Hélder?? ele só falou porque eles já tinham conhecimento da informação), bom, conhecimento sim, mas certeza não, por mais que seja algo óbvio, ainda sim, ele poderia ter tentado enrolar, porém, quero que fique bem claro, que não estou classificando tal coisa como se fosse um erro, vamos deixar este detalhe como uma pequena observação. Depois de tentarem reverter o jogo algumas vezes, Ban faz a pergunta que todo fã de Nanatsu gostaria de saber, afinal, qual é a magia executada pelo rei demônio?? A resposta até o momento, não chega a ser tão completa, pois as palavras de Meliodas, destacam a magia de seu pai sendo algo Homônimo ao título de rei (ou seja, possui a mesma abordagem, porém, significados diferentes), ele simplesmente é o todo poderoso "governante," parece não fazer sentido mais vão por mim, faz muito. Se tal questão acaba ficando sem grandes explicações, a única alternativa para nós no momento, é especular (ou apenas esperar por novas informações), especular é melhor. Sabendo que o nome de sua magia aparentemente é governante (em tradução livre), podemos definir que seus poderes se baseiam em controle total (isso explicaria o fato das demais investidas não surtirem efeito nele), só quê... Até onde, estes poderes vão?? Existe um limite?? ou o uso dos mesmos são inteiramente ilimitados?? Vale dizer, que tudo o que foi dito aqui, não passam de meras teorias, nada oficial, certo?? Então beleza.

Um rápido destaque que devo conceder, são aos não novos poderes de Ban (é pessoal, foi bom sonhar), mas vale dizer, que não descarto a possibilidade de tal momento ainda acontecer, de repente, o autor pode estar apenas guardado o evento para outro tipo de ocasião, quem sabe né?? No entanto, devemos ser realistas, pois, por quais motivos o sensei continuaria escondendo certas habilidades do público, porque não usar agora (até porque né... Que baita problema eles se encontram), sinceramente, espero que este tão aguardado clímax ainda chegue, enquanto isso, ficarei esperando  juntamente com vocês.

E pra fechar o capítulo, tivemos o início de uma nova informação sobre o enredo da obra, a bola da vez (ou continuidade), são questões relacionadas diretamente a verdadeira história de Estarossa, isso mesmo, vocês acabaram de ler corretamente. O que acontece é o seguinte... No meio da luta do rei demônio contra seu filho Meliodas, as dúvidas que incomodam ambos acabam entrando em foco novamente, então, uma breve pausa é levantada pelo próprio rei e pai (querendo ou não, ele está fazendo um belo favor para seus adversários, pois nenhum deles conseguem bater de frente com o mesmo). O motivo pra tal decisão é simples... Porquê Meliodas e seu pai não se recordam de Estarossa?? A não ser o básico?? Na verdade, se não fosse por esse básico, a dúvida entre eles, continuaria pairando sobre suas cabeças. Ao chegarem a uma conclusão, o rei demônio complementa ainda mais as informações pré estabelecidas, informando que o possível causador da situação, seja o outro mandamento traidor (Gowther), sendo assim, fica agora a nossa extrema curiosidade sobre o que ocorrerá nos próximos capítulos da obra, lembrando que na próxima semana não haverá publicação normal, mas após está data, segue novamente as publicações feitas pelo autor (antes que a memória falhe... Um dos comentários colocado por um fã, dizia sobre Estarossa ser na realidade filho de Meliodas... Sinceramente, não descarto a possibilidade, porém, por qual motivo Gowther retiraria as memórias de Meliodas e do rei, apenas para que eles não se lembrassem disto?? Caso a teoria estivesse correta, consigo imaginar alguns pontos que poderiam explicar tal coisa, mas, isso é assunto para outra Review).

E é isso pessoal, se gostaram da Review e querem ver outras aqui mesmo no Debate, basta conferir nas nossas listas, dito isto, até a próxima.

Link:http://cdmnet.com.br/titulos/seven-deadly-sins/manga/ler-online-completo/272


Hélder Miranda

Hélder Miranda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.