Últimas Notícias
recent

Nanatsu no Taizai Capítulo 278 Review

Por: Hélder Miranda- Depois de uma semana sem capítulo novo, "Nanatsu no Taizai" retorna com a sua publicação padrão (infelizmente, foram apenas 20 páginas mesmo). Pra quem estava acreditando na possibilidade do autor nos presentear (de repente disponibilizando dois em um) deve ter se decepcionado bastante, mas, olhem pelo lado bom... Poderia ser pior (ou será que foi??) Esperem, explicarei melhor. Praticamente da mesma forma que o conteúdo anterior se desenrolou, alguns pontos semelhantes marcaram presença novamente, no entanto, não achem que esses pontos foram acertos ou acontecimentos acima da média, na verdade, é totalmente o contrário, pois infelizmente, a obra vem seguindo com um fechamento bem meia boca (que neste caso, me refiro ao confronto dos pecados contra Mael) por outro lado, quero deixar claro que está não é a minha aposta final, a resolução do embate ainda pode surpreender positivamente (em outras palavras... só porque o desenvolvimento está morno, não significa que a conclusão de tudo será de fato ruim, como acabei de dizer, o autor pode muito bem recorrer a elementos interessantes pra finalizar). Dito isto, vamos parar de enrolação e começar de vez as análises do capítulo, sem mais delongas então, bora lá.

De cara já irei reclamar de um assunto bem complicado (na verdade, farei uma pergunta) vocês estão curtindo a guerra santa??? Pra que todos entendam melhor, vou dar uma reformulada... Vocês estão curtindo a guerra santa focada no exército principal da obra??? Caso alguma resposta tenha sido sim (bom, respeitarei cada opinião). Particularmente falando, pra mim este é o núcleo mais fraco feito pelo sensei (opinião minha) sinceramente, até o momento não consigo enxergar qual o objetivo real das forças dos cavaleiros no campo de batalha, beleza, nem é tão difícil criar uma resposta pra tal coisa, no entanto, eles estão servindo simplesmente para lidarem contra demônios classe baixa (na primeira temporada podíamos fazer a média, mas agora... Cadê o crescimento significativo de cada personagem??) Não precisa fazer todo um arco focado em um específico figuran (opa) cavaleiro, porém, mostra pelo menos que eles tem uma certa relevância (e novamente vale esclarecer o seguinte... Pode ser que o autor ainda trabalhe tal questão?? Claro que pode... Sendo assim, não confundam meus argumentos sobre o núcleo estar ruim, com uma confirmação sem fundamento).

Mano do céu... O capítulo pode até ter sido água com joelho ferido, mas ninguém ouse negar que a nova transformação de Mael, está simplesmente maravilhosa (sim meus amigos, sei muito bem que a frase Inicial ficou estranha). Vale destacar sobre este capítulo, que o novo upgrade do personagem, trouxe alguns caprichos interessantes, como por exemplo, um de seus poderes disponível em seu arsenal, que é nada mais nada menos, que uma simples alteração no corpo de seus oponentes, fazendo com que eles relaxem e deixem de sentir dores físicas, facilitando assim, o ataque fatal do mesmo (se isso não é definição de apelação, então já estou sem compreender muita coisa).

Depois da tentativa frustrante de Mael para finalizar os pecados, Gowther apresenta seu nome do meio (ligeirinho). O pecado mostra que não está ali pra brincadeira, e logo responde o ataque de seu rival com um contra ataque rápido, Diane e King o acompanham sem a menor preocupação (também... Elizabeth curou a galera toda, achei que ela não poderia usar seus poderes por conta da aceleração) cadê a lógica nisso?? (Sei lá lec... Parece verídico).

E é isso pessoal, se gostaram da Review e querem ver outras aqui mesmo no Debate, basta conferir nas nossas listas, sendo assim, até a próxima.

Link:http://cdmnet.com.br/titulos/seven-deadly-sins/manga/ler-online-completo/278




Hélder Miranda

Hélder Miranda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.